RSS
email

Cresol Canguçu/RS

Cresol Canguçu/RS

PASTELARIA PAZ - EM BREVE NOVIDADES

NOVANET

Augusto Pinz

Atendimento para suspeitos de COVID-19 é questionado em Canguçu

 Com o aumento dos casos de COVID-19 no município de Canguçu - 100 positivos somente nesta semana em três dias - muitos canguçuenses estão buscando o atendimento especializado junto ao Hospital de Caridade de Canguçu (HCC). Em recente comunicado da Secretaria Municipal de Saúde foi informado que todo atendimento do tipo deveria ser feito no barracão instalado em frente a instituição.

Fato é que muitos relatos de demora de atendimento tem sido divulgados, especialmente, nas redes sociais. Muitos entendem como descaso a falta de atendimento médico proporcionado pelo hospital local, além do fato de pessoas suspeitas e positivadas compartilharem o mesmo ambiente.

Nesta quinta-feira (06) recebemos áudios de uma senhora que procurou atendimento no dia de ontem (05) e se deparou com pessoas que estavam desde 07h no local, no frio, e que com início da chuva acabou indo embora sem atendimento. Novamente tentou atendimento na quinta e retornou sem. Procurou Vereadores para se queixar. Relatos chegam a Secretaria de Saúde e tudo continua muito lento.É preciso lembrar que ESTAMOS LIDANDO COM VIDAS!!!! É preciso mais respeito!!!! Nesta tarde a senhora foi atendida, após ser chamada uma ambulância, foi medicada e teve o resultado positivo para COVID-19. Recebeu remédios e foi mandada para casa por estar com boa oxigenação. É uma senhora do grupo de risco.

Em outro caso, morador do Bairro Isabel foi encaminhado para Raio-X do pulmão após testar positivo. Também ficou horas aguardando. Levou todo o dia na espera de alguém que avaliasse o exame.

A conversa é sempre a mesma: Não tem médico(a)!!

Veja bem: Dois dias uma pessoa positivada indo e vindo no hospital para ter atendimento quando necessitava estar em casa, ou internada, com cuidados.

Até quando chegarão queixas em relação ao atendimento do nosso hospital?




Segundo secretário Luciano Bertinetti o médico citado em um dos prints já foi desligado da instituição hospitalar. Ele destaca que existe atendimento constante na ala covid-19, porém com as intercorrências elevando o número de atendimento ocorre a demora, mas não a falta de atendimento.

Isso reforça a necessidade de cuidado, utilização de máscara, álcool gel, distanciamento, e todos fatores preventivos a esta doença. 


Bookmark and Share

0 comentários: