RSS
email

Ponto com e Braga Celulares

Cresol Sul Canguçu/RS

Cresol Sul Canguçu/RS

Morada das Figueiras

São João Encomendas

NOVANET

Somos + Canguçu

Vigilância Sanitária de Canguçu fez cerca de 300 vistorias

Vigilância Sanitária de Canguçu fez cerca de 300 vistorias na última semana Trabalho orienta estabelecimentos para evitar aglomerações de pessoas 
Na última semana, fiscais percorreram estabelecimentos orientando para que se evitem as filas
Crédito: Plural Comunicação Integrada/Prefeitura de Canguçu 

Somente na última semana, os fiscais da Vigilância Sanitária do município de Canguçu realizaram vistorias em cerca de 300 estabelecimentos, orientando para evitar filas e aglomerações em locais públicos, em função da pandemia do Coronavírus. Uma autuação precisou ser feita por descumprimento das regras de distanciamento. Conforme a coordenação da fiscalização, o maior problema é a concentração de pessoas em frente a bancos e lotéricas. Nestes casos, funcionários das instituições são orientados a conduzir as filas de modo que se respeite o distanciamento entre um cliente e outro. “Nosso trabalho é voltado para os estabelecimentos. Hoje nosso grande problema ainda são as instituições financeiras. Então, conversamos com o pessoal das agências para que eles orientem as pessoas que estão nas filas procurando atendimento”, destaca a fiscal que está coordenando o trabalho, Carla Tavares. Desde o dia 21 de março, a equipe de Vigilância Sanitária vem fazendo o trabalho de orientação para impedir aglomerações. Até o momento, mais de 2,3 mil estabelecimentos já foram visitados. A Vigilância Sanitária salienta que o objetivo não é a aplicação de multas ou fazer interdições, mas a conscientização das pessoas. “Buscamos em primeiro lugar orientar, visitamos a cidade e o interior para levar informação ao maior número de pessoas”, afirma Carla. Para denunciar agrupamento de pessoas, é preciso ligar para a Brigada Militar, que faz a comunicação para a Vigilância Sanitária. O telefone da Brigada é 3252-1275. 

Sem aglomerações 
A recomendação para se evitar aglomerações é necessária porque a transmissão pelo vírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como espirro, tosse, gotículas de saliva, contato físico com uma pessoa infectada e o toque em objetos ou superfícies contaminadas (seguido de contato com boca, nariz ou olhos). A orientação de não permanecer perto de um grande número de pessoas vale para cidadãos de qualquer faixa etária.


Bookmark and Share

0 comentários: