RSS
email

Braga Celulares

Cresol Sul Canguçu/RS

Cresol Sul Canguçu/RS

Morada das Figueiras

São João Encomendas

NOVANET

Somos + Canguçu

Pronaf Habitação viabiliza construção de moradias no meio rural

Produtores da região de Santa Rosa encontraram no Pronaf Habitação Rural uma forma de concretizar o sonho da construção ou reforma de sua casa no meio rural. Pela primeira vez, o Plano Safra do Governo Federal, em seu ano agrícola 2019-2020, teve verbas para construção de casas rurais. Em todo o país foram destinados R$ 500 milhões para financiar a construção ou reforma de moradias de pequenos agricultores brasileiros, pleito antigo do setor rural. Somente na região que abrange a Fronteira Noroeste e Missões, a Emater/RS-Ascar, parceira da Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), elaborou 161 projetos de moradias através do Pronaf Habitação, entre o dia 1º de julho de 2019 e o dia 11 de maio de 2020, somando-se um total de mais de R$ 6,2 milhões. Cada produtor pode acessar até R$ 50 mil, com prazo de até dez anos para pagar e juros de 4,6% ao ano.

Um dos sonhos concretizados é o da família de Delmar Schmitt, de Porto Vera Cruz. Sua filha Adriana, o genro Maikel Segat e neta Emanuelly, de sete anos, terão a oportunidade de seguir a sucessão no meio rural, com a construção da casa localizada em Lajeado Cafundó. “Decidimos ficar na área rural pelo estilo de vida mais sossegado e ter a opção de plantar e criar animais para consumo, sabendo assim a origem do produto consumido”, comenta Maikel.

A Emater/RS-Ascar possui uma relação com a família através do assessoramento na produção de alimentos e no acesso ao crédito rural, sendo que o extensionista Eliton Horn elaborou o projeto de crédito para o Pronaf Habitação em outubro de 2019. “A Emater também atua como correspondente bancário, do Banco do Brasil, o Coban, por meio do qual agiliza o processo de liberação dos recursos, sendo que o cadastramento da proposta de crédito no sistema do banco é feito pelo Escritório Municipal, evitando despesas de deslocamento até a agência bancária”, explica Horn. A família também contou com o apoio da Prefeitura, que realizou a terraplanagem do local onde foi construída a moradia.

O extensionista explica ainda que, em um primeiro momento, o produtor interessado em acessar o programa deve, na Emater/RS-Ascar, elaborar a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP), caso não possua. Munido da documentação, deve procurar o agente financeiro para solicitar o acesso ao Pronaf Habitação Rural e, após aprovação, o agente encaminha a autorização para a Emater/RS-Ascar elaborar o projeto de crédito.

Com a liberação do crédito, as obras passaram a ser executadas em janeiro e no mês de maio a família pode se mudar. Alguns poucos ajustes ainda restam a ser finalizados, mas com a casa nova, Maikel e Adriana já fazem planos para o futuro em família. “Queremos ficar no meio rural, afinal temos raízes aqui, temos meu pai e meu sogro que são agricultores e hoje já aposentados, mas na ativa. Eu e minha família queremos apoiá-los, cuidar deles, ou seja, ficar por perto”, relata Maikel.

Um dos próximos passos é o ajardinamento, paisagismo e implantação da horta e pomar caseiros nos arredores da moradia. Para isso, a Emater/RS-Ascar oferece assessoramento no planejamento.


Bookmark and Share

0 comentários: