RSS
email

Ponto com e Braga Celulares

CRESOL SUL CANGUÇU/RS

CRESOL SUL CANGUÇU/RS

Morada das Figueiras

São João Encomendas

NOVANET

Mulher é presa acusada de Injúria Racial

Uma mulher foi presa acusada de injúria racial, em Canguçu, nesta semana.. Ela teria sido presa em flagrante pela Brigada Militar (BM) e a própria acusada admitiu, em parte, os fatos. Diante dos elementos foi determinada prisão em flagrante na Polícia Civil. O fato teria ocorrido no Bairro Vila Nova enquanto um homem e sua família avaliavam uma construção. A acusada foi liberada após pagamento de fiança no valor de R$500,00 e irá responder pelo crime de Injúria Racial. 
A vítima relatou ofensas racistas e tentativa de agressão por parte da acusada. Os fatos não teriam ocorrido pela primeira vez. O fato se tornou público após entrevista da delegada Walquiria Meder ao site "Canguçu Online" nesta quinta-feira (19/09). 
A injúria racial está prevista no artigo 140, parágrafo 3º, do Código Penal, que estabelece a pena de reclusão de um a três anos e multa, além da pena correspondente à violência, para quem cometê-la. De acordo com o dispositivo, injuriar seria ofender a dignidade ou o decoro utilizando elementos de raça, cor, etnia, religião, origem ou condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência. Em geral, o crime de injúria está associado ao uso de palavras depreciativas referentes à raça ou cor com a intenção de ofender a honra da vítima.

Bookmark and Share

0 comentários: