RSS
email

Ponto com e Braga Celulares

CRESOL SUL CANGUÇU/RS

CRESOL SUL CANGUÇU/RS

Morada das Figueiras

São João Encomendas

NOVANET

Fenadoce - A força do Cooperativismo no Pavilhão da Agricultura familiar

Este ano, o Pavilhão da Agricultura Familiar, na Fenadoce, que chega ao final no próximo domingo (23), trás inúmeras novidades. Entre elas a participação da Cooperativa Sul Ecológica de Agricultores Familiares, que é referência regional em produtos orgânicos. Atualmente a cooperativa conta com 114 cooperados, divididos em 14 grupos de produção (por proximidade, produto e/ou forma de produção), abrangendo os municípios de Pelotas, São Lourenço do Sul, Arroio do Padre, Morro Redondo, Canguçu, Piratini e Morrinhos do Sul.

Instalada há mais de 18 anos a instituição faz parte do Programa Mais Gestão - ATER para Cooperativas, convênio da ANATER e Emater/RS-Ascar, executado na região a partir de 2018 pela Unidade de Cooperativismo de Pelotas. A Sul Ecológica contou com o apoio técnico para conduzir sua gestão em diversos eixos de atuação (Governança, Gestão de Pessoas, Financeira, Produção e Processos, Comercial e Socioambiental). A presidente da cooperativa, Marigaine de Medeiros, salienta que todas as cooperativas deveriam participar deste Programa. “Este trabalho é fundamental para a sobrevivência e manutenção das cooperativas.”

O Programa Mais Gestão orientou a Cooperativa na elaboração do Manual Operacional da Cooperativa, que é, segundo Marigaine, uma capacitação não só para os dirigentes da instituição, mas para todos os cooperados, onde são construídos, de forma coletiva e democrática, os direitos e deveres dos agricultores associados, que irão, por sua vez, determinar o regimento interno da cooperativa. A Gestão da Produção também é um dos principais destaques do Programa, principalmente em relação ao planejamento das lavouras, realizada diretamente com os agricultores cooperados.

A Sul Ecológica obteve recentemente, com apoio técnico da Emater/RS-Ascar, a Certificação Orgânica, por meio de uma auditoria técnico realizada por um órgão certificador credenciado pelo Ministério da Agricultura (MAPA) e INMETRO, que atesta a qualidade e dá credibilidade aos produtos, in natura e agroindustrializados produzidos e fornecidos pela cooperativa. “O trabalho da Emater foi essencial para esta conquista, pois tivemos um grande auxílio, seja na elaboração dos sistemas e documentos pertinentes, seja na capacitação dos agricultores associados quanto aos manejos de produção e uso de insumos adequados, certamente sem essa parceria não teríamos conseguido”, disse a presidente.

Assessoria de Imprensa da Emater/RS-Ascar

Bookmark and Share

0 comentários: