RSS
email

Ponto com e Braga Celulares

CRESOL SUL CANGUÇU/RS

CRESOL SUL CANGUÇU/RS

Morada das Figueiras

São João Encomendas

NOVANET

Reflexões de dezembro

        O mês de dezembro é o mais propício para um  balanço de nossas realizações, de nossas aspirações e experiências de todo um período que se finda.
        O último mês do ano é a época preferida para as avaliações das atividades individuais e coletivas, para que se firmem diretrizes ou se busquem novos caminhos.
        É o mês em que se comemora a vinda do Cristo de Deus à Terra, trazendo sua mensagem de Luz aos homens, Seu Natal é um convite à reflexão do que Ele representa para a Humanidade, do que é verdadeiramente essa mensagem e o que significa para nós.
        Os espíritas, que convivem com os irmãos de diferentes credos e concepções de vida, aprendem a respeitá-los, sem, contudo, aderir a usos e costumes que não se coadunam com os princípios da Doutrina Libertadora.
        Somos todos regidos pela lei de evolução, cada um se encontra em determinado estágio evolutivo.   Nesse caso, não podemos desprezar ou condenar nosso companheiro de jornada que ainda se prende a interesses puramente materiais, a representações grosseiras das quais já nos libertamos.
        Cumpre-nos entender que o estado de ignorância é transitório para todos, sendo necessariamente um estágio evolutivo em cada criatura, mas não um mal em si mesmo.
        No mundo de provas e expiações em que vivemos, somos todos imperfeitos, sujeitos a erros provações e sofrimentos. Compete a todos utilizar a inteligência e a razão no esforço constante para a elevação através da auto-educação.
        O despertamento do Espírito acontece quando descobre que a perfeição moral é sua meta e seu destino e que seus erros e as consequências deles constituem experiências e lições aproveitáveis no descobrimento da verdade e do roteiro certo.
        Neste Natal e ano que finda, a comunidade espírita pelotense, representada pela LEP deseja a todos votos de muita paz e profundas reflexões a cerca dos ensinos do Meigo Nazareno.
Fonte: Departamento de comunicação social da Liga Espírita Pelotense.
“Que vos ameis uns aos outros; como Eu vos amei a vós” Jesus – (João, 13:34)


Bookmark and Share

0 comentários: