RSS
email

Ponto com e Braga Celulares

CRESOL SUL CANGUÇU/RS

CRESOL SUL CANGUÇU/RS

HD SAT

Morada das Figueiras

São João Encomendas

Dr.Laureano

Daer realiza intervenções nas rodovias da Metade Sul

Ações beneficiam nove estradas da região de Pelotas

O Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) está realizando uma série de ações nas rodovias da Metade Sul do Estado, que incluem melhorias na trafegabilidade das estradas com e sem pavimento e renovação da sinalização. Os serviços são coordenados pela 7ª Superintendência Regional de Pelotas e executados por meio de contrato de conserva e administração direta.

Um dos segmentos contemplados é o de quatro quilômetros na ERS-265, de Canguçu a localidade de Herval, em São Lourenço do Sul. No início deste mês, foi concluído o recapeamento asfáltico que teve duração de duas semanas.


Obras entre Canguçu e São Lourenço do Sul. Fotos: Divulgação DAER 
Na ERS-471, o mesmo serviço iniciou na última semana entre o entroncamento da BRS-392 e a localidade de Coronel Prestes, em Encruzilhada do Sul. Diretamente, serão beneficiados os moradores de Canguçu, Encruzilhada do Sul, Santana da Boa Vista e Amaral Ferrador, além dos transportadores de grãos do Centro e do Noroeste do Estado que trafegam pela rodovia em direção ao Porto de Rio Grande. “Esse trecho de 45 km - que já sofreu manutenção asfáltica, remendos e roçada - receberá outros reparos em pontos críticos e recapeamentos em diversos segmentos, totalizando cinco quilômetros capas asfálticas", explica o superintendente Jorge Oleques.

Iniciou ainda, na última sexta-feira (9), reforço na sinalização horizontal na ERS-602, do entroncamento com a BRS-116 ao entroncamento com a VRS-473. A atividade abrange 23,92 quilômetros daquela rodovia e ocorrerá também na VRS-473, no trecho que vai do entroncamento da ERS-602 a Herval, totalizando 32 quilômetros de pintura asfáltica no eixo e nos bordos da rodovia.

Na ERS-715 e ERS-717, em Sentinela do Sul e Tapes, respectivamente, a segurança viária receberá reforços que vão além da pintura. Assim que a equipe finalizar o trabalho na ERS-602 e na VRS-473, inicia a implantação dos dispositivos refletivos (tachas e tachões), defensas metálicas e placas. Esse trabalho deve levar cerca de um mês.

A Superintendência de Pelotas está programando para este mês outras duas iniciativas: a roçada e o patrolamento. A vegetação será podada na ERS-602 (Arroio Grande), VRS-473 (Herval), ERS-715 (Sentinela do Sul), ERS-704 (Pedro Osório) e ERS-706 (Cerrito). Já as estradas sem pavimentação que devem receber atenção especial são a ERS-265 (Canguçu – Piratini) e a ERS-608 (Herval – Pedras Altas). As rodovias ERS-704 e VRS-473, no trecho correspondente aos municípios de Pedro Osório e Cerrito, já estão sendo patroladas.

Bookmark and Share

0 comentários: