RSS
email

Rodeio In Fest - em Setembro

Morada das Figueiras

O ESCRITÓRIO

CREHNOR CANGUÇU/RS

CREHNOR CANGUÇU/RS

HD SAT

Impressão Radical

Impressão Radical

Eliezer Rutz Antenas

Presidente do PP fala sobre polêmicas envolvendo vice

O Presidente do Partido Progressista (PP), Fábio Prestes Vergara, comunicou - na manhã desta terça-feira (21) - que o quadro anunciado no último sábado (18) na pré-convenção do partido continua inalterado, independente da repercussão causada com o anúncio da pré-candidatura a vice na chapa majoritária. Ele também comentou que não ocorreu nenhuma reunião do partido para mudar nomes, diferente do que foi falado na imprensa e em rodas de conversa. Para Fábio o quadro só seria alterado caso ocorresse a desistência de algum dos pré-candidatos a Prefeito ou Vice, Cássio Mota e Cleci Bergmamm respectivamente.
A manifestação do presidente do PP ocorreu no programa "Liberdade Notícias - 1ª edição" desta terça-feira (21) na Rádio Liberdade AM, em momento de turbulência enfrentado pela agremiação. Com a grande expectativa gerada por um anúncio cercado de palpites e incertezas seria natural que muitos ficassem decepcionados, independente de quem fosse indicado. Porém, a situação acabou saindo do controle nas redes sociais - principalmente - com diversos comentários condenando a escolha.
Um grupo de progressistas defendia a indicação do vereador Arion Braga, outros do ex-secretário de Educação Andrio Aguiar. O nome do ex-vereador Otelmo Otto também era lembrado. E ainda nomes de integrantes de outros partidos que teriam a intenção de apoiar a chapa como PTB, PSB, PPS e PSD.
Percebe-se que a comunidade esperava algo novo, que representasse um novo momento político aliado a experiência consagrada de gestor do cabeça de chapa Cássio Mota, o que frustrou alguns que apostavam em um anúncio de maior impacto. 
Apesar do anúncio progressista da manhã desta terça(21) novos rumos ainda não estão descartados dentro da chapa liderada pelo Partido Progressista. O partido parece começar a entender, como já fez o PMDB, que precisa repensar sua forma de agir abrindo espaço para outras formas de conjunturas políticas na dinâmica eleitoral da nova política.

Bookmark and Share

2 comentários:

Anônimo disse...

É ISTO MESMO PRESIDENTE..DEPOIS DA PALAVRA DADA NÃO PODE SER DADO PARA TRÁS.TIA ZICA VICE!!

Anônimo disse...

kkkkkkkk. que vexame