RSS
email

Ponto com e Braga Celulares

CRESOL SUL CANGUÇU/RS

CRESOL SUL CANGUÇU/RS

HD SAT

Morada das Figueiras

Eliezer Rutz Antenas

0

Uilson Auto-Elétrica parceiro Cresol/Sul Bin


A Uilson Auto-Elétrica é parceira da Cresol e realiza seu serviço para seus clientes e opera com a melhor maquina de cartão do mercado a Bin. Vem pra Cresol e conheça todos nossos produtos e serviços. Vem... #Cresol #JuntosSomosFortes
Read more
0

Humor: Ostentando...

Charge: Gérson Pinto

Read more
0

Novo Endereço – Cartório de Registro de Imóveis

O Serviço de Registro de Imóveis, a partir do dia 04 de junho de 2018, passará a funcionar em novo endereço, na Rua Franklin Máximo Moreira, nº 247, bairro Centro, nesta cidade, próximo a antiga CRT.


Read more
0

Inscritos para o concurso Mini Câmara 2018

INSCRIÇÕES MINI VEREADORES
01 – ADIVANE KRUGER KRONING – E.M.E.F. Júlio de Castilhos Estância da Figueira – 2º distrito.
02 – ALINE DUARTE DUARTE – E.M.E.F. Gonçalves Dias – Rincão dos Marques – 4º distrito. 
03 – ANDREI GOMES DE OLIVEIRA – E.M.E.F. Irmã Maria Firmina Simon – Bairro Uruguai - Sede do Município.
04 – ANDRÉIA LOPES DOS SANTOS – E.M.E.F. Presidente Castelo Branco – Coxilha dos Piegas – 4º distrito. 
05 – ANDRESSA RIBEIRO RODRIGUES – E.M.E.F. Heitor Soares Ribeiro – Florida – 2º distrito. 
06 – ANTÔNIA NEUENFELD REICHOW – E.M.E.F. Carlos Moreira – Canguçu Velho – 1º distrito. .
07 – ANTÔNYA DUARTE DA SILVA – E.M.E.F. Irmã Maria Firmina Simon – Bairro Uruguai - Sede do Município.
08 – BIANCA ROSCHILD BIERHALS – E.M.E.F. Alberto Bergmann Filho – Santa Barbara – 2º distrito.
09 – CARLOS EDUARDO SILVEIRA DE AVILA – E.M.E.F. Joaquim Nabuco – Santa Clara – 1º distrito. 
10 – CAROLINE RODRIGUES BECKER – E.M.E.F. Oscar Fonseca da Silva – Alto da Cruz – 5º distrito.
11 – CAUANE RUTZ VALADÃO – E.M.E.F. Presidente Castelo Branco – Coxilha dos Piegas – 4º distrito.
12 – CATHARINA GONÇALVES DA SILVA - Colégio Franciscano Nossa Senhora Aparecida – Bairro Centro - Sede do Município. 
13 – CRISTIELE BUCHWEITZ HENKE – E.M.E.F. Carlos Moreira – Canguçu Velho – 1º distrito. 
14 – EDUARDA LACERDA OLIVEIRA – E.M.E.F. Geraldo Antônio Telesca – Bairro Triângulo - Sede do Município.
15 – ELISAMA BANDEIRA DA SILVA – E.E.E.F. Neusa Paes do Amaral – Bairro dos Teixeiras - Sede do Município.
16 – EDUARDA LUIZ PERES – E.M.E.F Presidente Getúlio Vargas – Bairro Vila Nova – sede do Município.
17 – EMILLY FERNANDA LUBKE TREPTOW – E.M.E.F. Dr. Jaime de Faria – Canguçu Velho – 1º distrito. 
18 – ÉRICK DE SOUZA – E.M.E.F. Gonçalves Dias – Rincão dos Marques – 4º distrito. 
19 – ÉVELIN BIERHALS REDISS – E.M.E.F. Dr. Jaime de Faria – Canguçu Velho – 1º distrito. 
20 – FERNANDA BAHR EICHOLZ – E.M.E.F. Guido Timm Venzke – Posto Branco – 1º distrito. 
21 – FERNANDA VARGAS BILHALVA – E.M.E.F. Getúlio Vargas – Bairro Vila Nova – Sede do Município.
22 – GABRIELA BEDERODE CAVALHEIRO – E.M.E.F. Heitor Soares Ribeiro – Florida – 2º distrito. 
23 – HELENA DA SILVA SANTOS – E.M.E.F. Geraldo Antônio Telesca – Bairro Triângulo – Sede do Município. 
24 – ISABELY BERSCH BIERHALS – E.M.E.F. Victor Marques Porto – Bairro Prado – Sede do Município. 
25 – JANELISE GALVÃO PLAMER – E.M.E.F. Cristo Rei – Coxilha dos Cunhas – 1º distrito. 
26 – KAROLINE LILGE DA FONSECA – E.M.E.F. José Luiz da Silva – Armada – 5º distrito.
27 – KEILA LEANDRA FONSECA DUARTE – E.E.E.F. Zótico Soares da Silva – Iguatemi – 2º distrito.
28 – KEVEN NATAN REOCHOW BUBOLZ – E.M.E.F. Santo Ângelo – Solidez – 1º distrito.
29 – LAÍS ZÜHLSDORFF LEAL – E.M.E.F.  Victor Marques Porto – Bairro Prado – Sede do Município. 
30 – LETICIA DUARTE NASCENTE – E.M.E.F. Francisco Meireles – Santo Antônio – 3º distrito. 
31 – LILIAN QUINTANA FONSECA – E.M.E.F. Euclides da Cunha – Faxinal – 3º distrito. 
32 – LUCAS RIBEIRO SOARES – E.M.E.F. Oscar Fonseca da Silva – Alto da Cruz – 5º distrito. 
33 – MARIA LUIZA DA FONSECA SCAPIN – E.M.E.F. José Luiz da Silva – Armada – 5º distrito. 
34 – MARIA THEREZA BASTOS DA SILVA MENDES – Colégio Franciscano Nossa Senhora Aparecida – Centro – Sede do Município. 
35 – MAIARA DOMINGUES NOGUEIRA – E.E.E.F. Neusa Paes do Amaral – Bairro dos Teixeiras – Sede do Município. 
36 – MARILISA DUARTE DE CASTRO – E.M.E.F. Francisco José Barbosa – Venda da Lagoa – 3º distrito. 
37 – MURILO MOREIRA DA MOTA – E.M.E.F. MARECHAL Floriano – Trapeira – 4º distrito.
38 – MURIEL LINDEMANN KASBURG – E.E.E.F. Zótico Soares da Silva – Iguatemi – 2º distrito. 
39 – PAULA ANDRIÉLE NENDRUCHA LOPES – E.M.E.F. Santa Maria – Passo do Valadão – 1º distrito. 
40 – PAULA MILECH ROMER – E.M.E.F. Carlos Soares da Silveira – Nova Gonçalves – 2º distrito. 
41 – TIMÓTHEO CORRÊA WEEGE – E.M.E.F. Santa Maria – Passo do Valadão – 1º distrito.
42 – WELINTON LIMA LEDEBUHR – E.M.E.F. Francisco José Barbosa – Venda da Lagoa – 3º distrito.   
Serão três candidatos por vaga.
O Processo de seleção do Mini Vereadores em conformidade com disposto no EDITAL Nº 003/2018/MINIVEREADORES, ocorrerá no DIA 05(CINCO) DE JUNHO DE 2018, AS 9(NOVE) HORAS, NO PLENÁRIO JOAQUIM DE DEUS NUNES DA CÂMARA MUNICIPAL, RUA GENERAL OSÓRIO 979.

Read more
0

Produtores de tabaco cobram posição do governo sobre COP8

Representantes da cadeia produtiva do fumo e prefeitos de municípios plantadores de tabaco lotaram o auditório Freitas Nobre, aqui na Câmara, para cobrar a posição que o governo vai levar para a 8ª Conferência da Convenção Quadro para o Controle do Tabaco, em outubro, na Suíça. As reclamações de prefeitos e produtores são de que eles não são chamados para as discussões prévias aos encontros internacionais, nunca sabem antecipadamente qual é a posição brasileira e que chegam a ser barrados quando viajam para participar das conferências, como teria acontecido na Índia, em 2016.

Eles apresentaram os números do tabaco no Brasil: 40 mil empregos diretos e 619 municípios que dependem desta fonte de renda, principalmente no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. Segundo o presidente do Sindicato Interestadual da Indústria do Tabaco, Iro Schünke, o fumo gerou R$ 6 bilhões em receitas no ano passado:

"Nós estamos falando de um produto que o Brasil exporta 90% e que se nós pararmos de produzir aqui no país, alguém vai produzir. Se houver demanda, vai ter produção. Então, o que nós precisamos é efetivamente continuar defendendo aqui no Brasil a produção, o processo, a exportação, que traz todos esses resultados."

A secretária-executiva da Comissão Nacional para a Implementação da Convenção Quadro para o Controle do Tabaco, Tania Cavalcanti, explicou que os temas para o encontro da Suíça, chamado de Cop 8, serão definidos em agosto. Segundo ela, só a partir daí o governo brasileiro pode divulgar sua posição oficial sobre cada item. Uma das discussões deve ser sobre um protocolo de combate ao mercado ilegal de cigarros. Tania Cavalcanti avalia que o fato de 90% da produção de tabaco ser exportada pode tornar o agricultor uma vítima desse processo:

"Ele é seduzido para produzir tabaco com a ideia de que essa produção vai gerar riqueza. E pode até em algumas situações gerar bem-estar e riqueza, mas não é isso o que a gente vê na maior parte dos casos."

Tania Cavalcanti acrescentou que é preciso investir na diversificação de culturas para diminuir a dependência dos agricultores da produção de tabaco. Diante das explicações dos integrantes do poder Executivo, o deputado Alceu Moreira, do MDB gaúcho, que pediu a audiência, sugeriu acompanhar uma comissão de prefeitos a vários ministérios para sensibilizar o governo sobre a cadeia produtiva do tabaco. Ele reiterou a importância de separar o combate ao tabagismo da produção brasileira de fumo:

"Ninguém desconhece as doenças do cigarro, ninguém incentiva a fumar, mas criminalizar quem produz tabaco é uma grande injustiça."

Falando em nome dos municípios produtores de fumo, o prefeito de Venâncio Aires, Giovane Wickert, sugeriu uma reunião, no mês de junho, com os integrantes da Comissão Nacional para o Controle do Tabaco. Ele reivindicou que um representante dos prefeitos tenha uma credencial de observador durante a conferência de outubro, na Suíça. (Agência Câmara dos Deputados)
Read more
0

Decreto de Emergência n° 7570/2018


Read more
0

Prefeitura de Canguçu suspende transporte escolar por falta de combustível

Segundo informação do jornal Diário Popular o prefeito de Canguçu, Vinicius Pegoraro (MDB)informou, por telefone, que após uma reunião foi decidido que as aulas na zona rural estão suspensas pela falta de combustível para o transporte escolar. "Hoje temos quatro mil litros de diesel, que vão ser utilizados na saúde e no recolhimento de lixo", disse. A prefeitura manterá o serviço de ambulância e o transporte de pacientes oncológicos e aqueles que necessitam de hemodiálise. Também está mantido o recolhimento de lixo.
Conforme o prefeito, os postos de gasolina da cidade já estão desabastecidos e o fornecedor contratado está impossibilitado de realizar o transporte até o município. O estoque próprio do município será dividido entre a saúde e a coleta de lixo.
Read more
0

Santa Vitória do Palmar decreta situação de calamidade pública

A Prefeitura de Santa Vitória do Palmar decretou hoje situação de calamidade pública e outras providências em decorrência da greve dos caminhoneiros que acarretou a falta generalizada de combustíveis nos postos do município. O decreto estabelece a suspensão temporária de alguns serviços, entre eles os serviços de educação, determinando que as aulas da rede municipal de ensino serão canceladas a partir do final da tarde de hoje e serão retomadas apenas quando a situação estiver normalizada.

Ressalta-se que serviços essenciais como a coleta de lixo e os serviços de hemodiálise, quimioterapia e o serviço de ambulância serão mantidos pelas secretarias de Obras e Serviços Urbanos e de Saúde, respectivamente. Ficou decidido ainda que todos os combustíveis para veículos automotores existentes no município são declarados de utilidade pública para fins de desapropriação, devendo ser alocados em Postos de Combustíveis ou depositados em tanques de armazenamento na zona urbana ou rural.

A decisão do prefeito Wellington Bacelo de assinar o decreto veio após reunião de emergência nesta manhã com os secretários municipais, na qual foram discutidas as necessidades e obrigações de cada secretaria e possíveis soluções para mitigar a situação.
Read more
0

Sandrinho Carros e Motos parceiro Cresol / Bin

A empresa Sandrinho Carros e Motos é parceira da Cresol/Sul e já está trabalhando com a máquina Bin. Vem pra Cresol e conheça todas as vantagens de ser nosso associado. 
Vem.
#Cresol
#JuntosSomosFortes.



Read more
0

Cursa de Transtorno do Espectro Autista na AECC


Read more
0

Jovem preso por tentativa de homicídio

Na tarde desta terça-feira (22), a Polícia Civil RS, através da Delegacia de Canguçu, cumpriu mandado de prisão preventiva do indivíduo A.M.V, 18 anos, pelo crime de homicídio tentado.

Segundo a delegada Lisiane Mattarredona, o indivíduo teria efetuado nove disparos contra a vítima, no bairro Triângulo.

Salienta a autoridade policial que  o indivíduo já estava recolhido no Presídio Estadual de Canguçu, em razão de prisão em flagrante pelo crime de Tráfico de drogas, ocorrida no último domingo.
Read more
0

Domingueira Solidária dia 03 de Junho


Read more
0

BM PRENDE INDIVÍDUO PRESO POR TRÁFICO DE DROGAS

No início da manhã desta terça-feira, 22/05, a Brigada Militar de Canguçu, realizou a prisão de um indivíduo pelo crime de Tráfico de Entorpecente na ERS 265.
Após denúncia via 190, a Brigada Militar realizou algumas diligências a fim de localizar o suspeito de estar atitude suspeita na cidade nas proximidades do Macro Atacadão, sendo constatado o ato ilícito entre dois indivíduos no momento da abordagem e um dos indivíduos empreendeu fuga e a BM abordou W.C.R, 31 anos com as mesmas características repassadas na denúncia.
Na oportunidade, devido às fundadas suspeitas, realizaram a identificação e a busca pessoal, encontrando certa quantidade de drogas com o abordado, além de certa quantia em dinheiro, momento este em que recebeu voz de Prisão sendo encaminhado para exames médicos no Pronto Atendimento de Canguçu e posterior a Delegacia de Polícia para registro e providências cabíveis junto a autoridade Policial competente.

"DENUNCIE ATRAVÉS DESTA ATITUDE PODEMOS IDENTIFICAR OS ATOS ILÍCITOS, NÃO É NECESSÁRIO IDENTIFICAÇÃO. DESTA FORMA POLÍCIA E COMUNIDADE TRABALHAM EM BUSCA DE UM BEM COMUM, A TRANQUILIDADE E PRESERVAÇÃO DA ORDEM PÚBLICA."
JUNTOS SOMOS MAIS FORTES CONTRA O CRIME
Fonte: BRIGADA MILITAR DE CANGUÇU
Read more
0

Angelus Pax deseja Boa Semana


Saiba mais sobre os planos da Angelus Pax CLICANDO AQUI

Read more
0

DOIS INDIVÍDUOS SÃO PRESOS PELO CRIME DE TRÁFICO DE DROGAS

 AÇÃO OCORREU PELA BRIGADA MILITAR EM CANGUÇU




No início dessa segunda-feira, 21/05, a Brigada Militar, em Canguçu, realizou a prisão de dois indivíduos pelo crime de drogas no bairro triângulo.
Após denúncia via 190, a Brigada Militar realizou algumas diligências a fim de localizar o veículo suspeito de estar realizando atividades ilícitas na cidade.

Durante a averiguação, a polícia abordou um veículo com as mesmas características com as repassadas na denúncia. Na oportunidade, devido às fundadas suspeitas, realizaram a identificação e a busca pessoal do condutor, do passageiro e mais três adolescentes tripulantes do automóvel.

Na busca pessoal encontraram certa quantidade de drogas com o condutor e com o passageiro, além de dinheiro e algumas munições. Além destas apreensões, recolheram uma máquina de transações bancárias via cartão, provavelmente, utilizada para a venda dos entorpecentes.
Read more
0

BIN a melhor máquina de cartão através da Cresol/Sul

Quer começar a semana fazendo bons negócios para sua empresa? Conheça as melhores taxas do mercado, amplie suas vendas e aumente seu lucro. Até dia 29/05 estamos com promoção incrível para quem quiser a melhor máquina de cartão. 
Conheça a Cresol/Sul, seja nosso parceiro.
Vem...
#Cresol
#JuntosSomosFortes


Read more
0

Canguçu em Foco ultrapassa 20 mil postagens


O Site Canguçu em Foco, criado em 2007, ultrapassou a marca de 20 mil postagens (publicações).  Com notícias atualizadas diariamente o site conta a história de Canguçu e região através de informação factual de forma clara e transparente com os leitores.
Nestes 11 anos e mais de 20 mil publicações está próximo da marca de 10 milhões de acessos e já foi homenageado com medalha da Assembleia Legislativa do RS e Brasão do Município pela Câmara Municipal de Vereadores de Canguçu, entre outros destaques.
Read more
0

Equipe Canfight esteve em Encruzilhada do Sul

A equipe Canfight comemora mais um ótimo resultado após mais uma competição. Em disputas recentes foram 8 lutas e 6 vitorias em uma semana. 
Após lutar em Canguçu , desta vez o evento foi em Encruzilhada do Sul com duas vitórias e 1 derrota.
Mell Gomes não se intimidou com o tamanho da adversária e buscou o resultado quando partiu o tempo todo pra cima da adversária,  mas perdeu por pontos decisão unânime.
Jainara "Mão de Pedra" venceu por decisão unânime e Elizeu Maia por nocaute técnico no terceiro round.






Read more
0

Resultados da 1ª rodada da copa Itararé 2018


Read more
0

Programação de 23/05 no Morada das Figueiras

*MORADA DAS FIGUEIRAS*
🔹Rua Conrado Ernani Bento, 2095 / Canguçu-RS
*Programação*


* *Quarta* *Feira* dia 23/05/18
-Pós 🕢 18:30hr
*NOITE ESPECIAL* 🍻

🎼Boa Música ao vivo
Janta ala carte
🍔Hambúrguer artesanal
🍢🍡Petiscos Especiais
🍕 Pizza
Calzone
Quentão
Cardápio de salgados elaborados
Cardápio Tradicional
🍹Drinks
🍻Chopp duplo a noite toda

👉 *Valor Especial para grupos*
👉 *Pacotes especiais para eventos*

*Morada das Figueiras um lugar de todos e para todos*
Read more
0

Zona Sul é a 2ª em casos de abigeato

Mesmo ocupando a segunda colocação no número de ocorrências de abigeato em 2017, a Zona Sul não será contemplada com uma unidade da Delegacia Especializada na Repressão de Crimes Rurais e de Abigeato (Decrab). Dentre as cinco regiões a receber a política pública - Alto do Jacuí (109 ocorrências), Campanha (344), Centro-Sul (406), Fronteira Oeste (1.056) e Vale do Jaguari (318) -, apenas a Fronteira Oeste registrou número maior que a ZonaSul (841 casos).
O levantamento que demonstra a importância da Zona Sul receber uma sede da Decrab partiu de nota técnica desenvolvida pelo Grupo Interdisciplinar de Trabalho e Estudos Criminais-Penitenciários (Gitep/UCPel). Dos dez municípios que mais registraram abigeatos em 2017, dois pertencem à região: Santa Vitória do Palmar, com 111 casos; e Rio Grande, com 102.

De acordo com o coordenador do Gitep, professor Luiz Antônio Chies, a Região Sul registrou ao todo 841 casos, enquanto a Fronteira Oeste, 1.056, durante o ano de 2017. "Com exceção da Fronteira Oeste, a Zona Sul supera as outras quatro regiões que contarão com unidades da Gitep em mais de 100%", explica.
Bagé, localizada na Campanha, foi a primeira cidade a ter inaugurada uma sede da Delegacia Especializada. "A Campanha registrou 344 casos de abigeato; menos da metade registrada na Região Sul", apontou.

Rebanhos
Em relação ao quantitativo dos rebanhos (bovinos e ovinos), a Região Sul também apresenta números superiores aos das outras quatro regiões que receberão sedes da Delegacia. Apenas a Fronteira Oeste, com mais de 4,7 milhões de bovinos e ovinos, fica à frente da Zona Sul, com 2,2 milhões.
Na avaliação do docente da UCPel, as decisões políticas na área demonstram incompatibilidades em relação aos dados e informações que podem ser coletados a partir dos próprios órgãos de segurança do Estado. "Mesmo estando na segunda posição no número de abigeato e no tamanho do rebanho, por que a Zona Sul não terá uma sede da Decrab?", questiona. Para Chies, o planejamento político através de evidências e a melhoria dos sistemas de registro e publicização dos dados são o caminho para encontrar respostas.
Saiba mais

- O Grupo Interdisciplinar é ligado ao Programa de Pós-graduação em Políticas Sociais e Direitos Humanos (PPGPSDH) da UCPel.
- Os integrantes do Gitep pretendem desenvolver um mapa da violência na região da Zona Sul. "Queremos facilitar o acesso a diversos tipos de dados", complementa. 
- Para realizar esse estudo, o grupo se baseou em evidências e dados estaduais indicadas pelo decreto 50.313/2013 (que instituiu o Comitê de Gestão da Transversalidade das Ações de Combate aos Crimes de Abigeato e Abate Irregular de Animais).


Diário Popular
Read more
0

Piratini pode ficar sem estação rodoviária

A rodoviária de Piratini tem prazo final para funcionamento: 31 de maio. A família Lucas, responsável pelo serviço há mais de 60 anos, informou ao Daer que não tem mais interesse em manter o ponto, por onde embarcam mais de 200 passageiros por dia nas três linhas intermunicipais que ainda operam no município. A autarquia trabalha com a hipótese de conceder temporariamente o serviço a um novo contratante, até que novo concessionário seja licitado. No entanto, é provável que até o dia 1º de junho nada seja resolvido.
Assim, os passageiros devem comprar as passagens intermunicipais diretamente com as empresas que operam no município. Uma reunião com a prefeitura deve definir os pontos de parada dentro da cidade. A Embaixador, responsável pela linha Piratini-Pelotas e Piratini-Canguçu, informou que os ônibus sairão da garagem a partir do dia 1º e haverá um cobrador para a venda das passagens. A tendência é de manter os pontos tradicionais de parada em Piratini.
Segundo o Daer, não há prazo para a licitação da nova rodoviária. "O processo será encaminhado ao Conselho de Tráfego, para autorizar ou não a contratação. Depois, o termo pode ser finalizado e então publicado no Diário Oficial do Estado. Após a publicação, a nova concessionária pode atuar. O prazo de duração do contrato é indeterminado", manifestou-se o órgão - por meio da assessoria de imprensa.
Em conversa à reportagem, a família Lucas lamentou a decisão de encerrar as atividades. Uma das atuais donas do terminal, Maristela Lucas, afirmou que estava inviável continuar com o serviço. "Eu e a Núbia Lucas estamos há 40 anos trabalhando aqui na rodoviária. Herdamos dos nossos avós, o serviço está há 60 anos na nossa família. Agradecemos a todos os passageiros ao longo dessa jornada, lamentamos a decisão, mas não há como continuar."
Segundo Maristela, a diminuição de passageiros e, consequentemente, de linhas, tornou impossível manter a rodoviária financeiramente. Atualmente operam na cidade a linha Piratini-Pelotas, com quatro horários diários, Piratini-Pinheiro Machado, com três horários, e Piratini-Canguçu, com três horários por três dias na semana.
As informações que chegam de Piratini é de que há um interessado em assumir a prestação do serviço. Em nota, o Daer manifesta a probabilidade de conceder termo de autorização de prestação de serviços, até que se tenha um licitante vencedor. No entanto, ainda analisa se a empresa interessada cumpre os requisitos necessários. Entre eles, a disponibilidade de um prédio. Não há previsão para o início das publicações dos editais. (Diário Popular)
Read more
0

Acompanhe situação da BR392 através do twitter

A Ecosul, responsável pela administração da BR 392 está informando - diariamente -as condições da via, obras realizadas e atualmente os possíveis bloqueios da manifestação realizada por caminhoneiros. 
Acompanhe em tempo real através do link - https://twitter.com/ecosul

O Comando Rodoviário da Brigada Militar também está monitorando e informando os bloqueios. O endereço para acompanhamento é https://twitter.com/CRBM198RS

Read more
0

Fenadoce 2018 é lançada oficialmente em Pelotas

A 26ª Fenadoce tem como tema “Nosso Mundo mais Doce”, e vai trabalhar no fortalecimento da tradição doceira do Sul do estado.


A Prefeitura Municipal de Pelotas recebeu na noite de 17 de maio imprensa e convidados para o lançamento oficial da 26ª Fenadoce, que acontece  de 30 de maio a 17 de junho. Este ano, a feira traz o tema “Nosso Mundo mais Doce”, que visa resgatar a união entre todos, caracterizando uma das marcas da construção de Pelotas, formada pela união entre vários povos.

A magia da noite ficou por conta da apresentação dos personagens do Espaço Arte do Doce, parte integrante da Fenadoce Cultural, um ambiente encantado que propõe uma viagem pela tradição doceira de Pelotas, combinando pinturas, esculturas, mobiliários e objetos que retratam etnias com suas doces contribuições, interpretados por um elenco composto por atores, bailarinos e músicos. Além dos personagens do ano passado: Joaquim e Manuel (portugueses); as doceiras Eugênia (portuguesa) e sua filha Mafalda; Bernadette (francesa); Antonella (italiana) e sua filha Giovanna; Olga (alemã) e sua filha Ema; Nadia, Jana e Dalila (africanas) quatro novos personagens foram apresentados ao público: dois confeiteiros africanos: Mestre Zô e Zuri (Belo); o poeta Antônio das Rosas e a Cantora pelotense Dulce.

A Prefeita de Pelotas, Paula Mascarenhas, destacou em sua fala o reconhecimento do conjunto histórico e da tradição doceira pelotense pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) como Patrimônio Cultural do Brasil, ocorrido essa semana. “Estou muito emocionada de fazer parte desse momento de um reconhecimento inédito para a cidade, fruto de um trabalho coletivo de muitos anos. Isso realmente tocou meu coração pelotense”, disse.

O Conselheiro da CDL Pelotas, Max Teógenes Michels, destacou a força da Fenadoce em levar o nome da cidade para além das fronteiras e contribuir com a manutenção da tradição doceira da região. Também participaram do evento a Corte 2018, formada pela rainha Sara Carolina Silva Dias, as princesas Júlia Moura de La Rocha e Laura Feijó da Silva. Ao final, os convidados receberam como lembrança um papel semente e vasinhos para plantar a semente, em alusão a campanha de estímulo às atitudes mais doces.

Entre as áreas e atrações da Fenadoce 2018  estão a tradicional Cidade do Doce, com cerca de 42 docerias e mais de 200 tipos de doces; o Espaço Arte do Doce, em homenagem a cultura doceira; a Multifeira e Festival de Moda, com tudo em moda e artesanato; Quatro Shows Nacionais; Estância Princesa do Sul, com shows e danças tradicionalistas; Praça de Alimentação com 14 lancherias e 04 restaurantes; Parque de Diversões; Feira de Agricultura Familiar com 62 estandes; Fenadoce Cultural, com 747 apresentações artísticas locais; Festival de Gastronomia e um Ciclo de Negócios. 

Os visitantes da feira ainda tem a chance de provar doces que possuem um selo de procedência, que garante a fabricação pelotense e a qualidade dos produtos. Ao todo são 15 doces tradicionais certificados: Pastel de Santa Clara, Ninho, Bem Casado, Olho de Sogra, Panela de Coco, Beijinho de Coco, Quindim, Amanteigado, Fatia de Braga, Camafeu, Trouxas de Amêndoas, Broinha de Coco, Queijadinha, Papo de Anjo e Doces Cristalizados. O processo de certificação iniciou em 2015 e já abrange 14 docerias.

FOTOS: https://www.dropbox.com/sh/bw62m94wpkrfyep/AABk9bfyB5M-roTTK4sDaaj_a?dl=0
CRÉDITOS: Gustavo Mansur

Conheça melhor as atrações da feira:

Fenadoce Cultural

As artes se encontrarão mais uma vez na Fenadoce para levar entretenimento e cultura aos visitantes. Serão apresentações de circo, dança, música, teatro e tradições gaúchas por todos os palcos da feira, privilegiando artistas da região. Em 2018, através do financiamento Pró-cultura RS, Lei de Incentivo à Cultura, Secretaria da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, Governo do Estado do RS, com patrocínio dos Biscoitos Zezé e Farmácias São João, a Fenadoce Cultural promoverá 747 apresentações artísticas e culturais, com aproximadamente 9 mil artistas nos 4 palcos e no Espaço Arte do Doce, grande atração de 2017, que ganha ainda mais força em 2018 para representar as etnias e a tradição doceira de Pelotas e Região. A Fenadoce Cultural é uma realização da CDL Pelotas, com a produção da Ânima – Arte, Cultura e Educação.

Melhorias estruturais

A equipe da 26ª Fenadoce trabalha também para a manutenção do Centro de Eventos onde acontece a feira. Nos últimos meses, de acordo com o Supervisor de Eventos da CDL e prefeito da Fenadoce 2018, Renan Martinez, o trabalho foi intenso para preparar o local. "Trabalhamos com atenção na parte de infraestrutura, sendo um trabalho que não é visto diretamente pelo público, mas que impacta muito na sua experiência dentro da feira", afirma ele.

Melhorias como pintura, colocação de piso e reparações elétricas são algumas das ações na reta final da preparação. O espaço da Fábrica de Doces, que chama atenção dos visitantes e é tradicional na feira, recebeu uma pintura completamente nova. A área externa também é uma preocupação da CDL. O estacionamento está sendo reformulado com apoio da Ecosul para que os visitantes possam circular no espaço mesmo em dias de chuva.
                                                                                                   
Show nacionais

Os ritmos irão se misturar no Fenashow – Festival de Música da Fenadoce. Com shows da dupla sertaneja Jorge & Mateus (03/06), grupo Atitude 67 (10/06), o Baile do Dennis com o Dennis DJ (15/06) e o Baile do Nego Veio com o cantor Alexandre Pires (16/06), os ritmos passaram do funk ao sertanejo e ainda aos clássicos dos anos 90. Os shows são uma realização da Beer Produções Ltda e produção da X13 Produção de Eventos.

Gincana Cultural

O tema da gincana entre as escolas da rede pública de ensino deste ano é "Região Doceira de Pelotas - Patrimônio Imaterial do Brasil". Na primeira categoria as escolas participarão com desenhos feitos com lápis de cor relacionados ao tema proposto. Na segunda haverá a realização de uma redação. Já a terceira avaliará a decoração da escola, que deverá obedecer também o tema e convidar a comunidade para visitar a 26ª Fenadoce. As fichas de inscrições, além de mais informações sobre as categorias, estão disponíveis no site oficial da Fenadoce 2018 (www.fenadoce.com.br) e na CDL Pelotas (Félix da Cunha, 765). A Entrega dos prêmios aos vencedores será no Centro de Eventos Fenadoce, de 07 a 17 de junho.

Gincana Atitude Doce

A Gincana Atitude Doce lança um desafio solidário entre as escolas do município. Para garantir o Certificado de Atitude Doce e ganhar um notebook, as escolas competirão entre si para ver quem mobiliza mais doadores de sangue ao Hemocentro de Pelotas. As doações poderão ser realizadas no Hemocentro e no Banco de Sangue da Santa Casa de Pelotas. Ao fazer a doação, o voluntário indica qual escola está representando.

Certificado de Atitude Doce

A iniciativa buscará valorizar pessoas com atitudes doces na cidade, que se destaquem pela bondade e boas atitudes, apoiando os projetos e gravando as suas histórias em um vídeo-depoimento. As pessoas podem ser indicadas pelos próprios cidadãos e ganharão um certificado. A campanha acontecerá durante todo o ano de 2018, além do período da feira. Quem desejar também pode indicar a si mesmo. O julgamento acontecerá pela própria população e a divulgação acontecerá na fanpage da feira. Para indicar algum trabalho ou pessoa basta entrar em contato pela fanpage.

Feira da Agricultura Familiar

A 4ª edição da Feira da Agricultura Familiar, este ano com 62 expositores da agroindústria, cresce 40% em relação à edição do ano passado. A Feira é um evento promovido pela Secretaria de Desenvolvimento Rural e Cooperativismo do Estado do RS, em parceria com a Emater e Embrapa, que integra o programa Estadual de Agroindústria Familiar. O objetivo é possibilitar aos agricultores e familiares agregar valor à produção primária, melhorando a renda e as condições gerais de vida de suas famílias, além de contribuir para o desenvolvimento socioeconômico. Em 2017 foram 51 estandes e 35 municípios representados. A feira registrou um volume de vendas de R$ 450 mil.


Doce Vantagem Seu Ingresso Vale Mais

A promoção que dá descontos no comércio pelotense segue pelo terceiro ano consecutivo na feira. Ao adquirir o ingresso de entrada para a feira, o visitante pode utilizá-lo nas lojas pelotenses cadastradas na campanha. No site da Fenadoce www.fenadoce.com.br os visitantes da feira e escolhem sua loja.

Ciclo de Negócios

O Ciclo de Negócios abrange eventos em diversas áreas, como a realização da Sessão de Negócios, uma parceria entre CDL Pelotas e SEBRAE, envolvendo 99 empresas; APL da saúde, evento que engloba empresas dos segmentos de equipamentos médico-hospitalares e odontológicos, saúde animal, fármacos, biotecnologia e cosméticos; O Pelotas Parque Tecnológico, que abordará o tema indústria criativa; Souwebpel, tratando de temas como inovação, tecnologia, economia da experiência, startups e marketing digital; E o Conselho Regional de Administração, que realiza uma Semana Acadêmica junto à UFPEL, UCPEL, Anhanguera, SENAC e Uniaselvi.

05/06 - CERIMÔNIA OFICIAL DE ABERTURA
A Cerimonia oficial de abertura da Fenadoce 2017 será no dia 05 de junho, terça-feira, às 19h, no Centro de Eventos Fenadoce, com a presença de autoridades e convidados.

SERVIÇO FEIRA
O que: Feira Nacional do Doce - Fenadoce 2018
Data: 30 de maio a 17 de junho de 2018
Local: Centro de Eventos Fenadoce (Av. Presidente Goulart com a BR-116) – Pelotas (RS)
Horário: seg a quin, das 14h às 22h; sex, das 14h às 23h; sábados e feriado, das 10h às 23h; domingos, das 10h às 22h.
Ingresso: seg. a sex. R$ 10. Sábados, domingos e feriados R$ 12. O estacionamento custa R$ 15 por veículo. O doce custa R$ 4,00.
Site: www.fenadoce.com.br  | Facebook: www.facebook.com/fenadoce
Read more
0

UFPel seleciona professores para elaboração das questões do Pave

A Universidade Federal de Pelotas (UFPel) está selecionando professores de escolas de ensino médio e superior para cadastramento de interessados em compor bancas para elaboração das questões do Pave (Programa de Avaliação da Vida Escolar) de 2018. As inscrições encerram no dia 25 de maio, sexta-feira. Veja edital em

CHAMADA PÚBLICA Nº 001 2018   .


Read more
0

Souza Cruz amplia volume de tabaco certificado

Região Sul – Depois de ser certificada, de forma pioneira, em 2016, pelo Programa da Produção Integrada Agropecuária (PI Brasil) no Tabaco, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), a Souza Cruz comemora a ampliação dos volumes na Safra 2018, ano em que celebra os 100 Anos do Sistema Integrado de Produção de Tabaco (SIPT), criado em 1918.

O volume total certificado supera 1,6 mil toneladas, fruto de trabalho de 360 produtores integrados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, dos tipos Virgínia, Burley, Dark e Maryland. “Este acréscimo gradativo ratifica nosso compromisso com o Programa PI Tabaco e com a produção de tabacos de forma segura, sustentável, com responsabilidade social e ambiental e garantia de rastreabilidade”, destaca o gerente de Sustentabilidade e Relacionamento em Produção Agrícola, Claudimir Rodrigues.

Em 2016, foram 357 toneladas dos tabacos Virgínia e Burley certificadas, produzidas por 50 produtores integrados à empresa na Região Sul do Brasil. Em 2017, mais 260 produtores aderiram ao programa, certificando 100% da produção dos tipos de tabacos Dark e Maryland, totalizando uma produção de 1,4 mil toneladas, fruto da adesão voluntária de 310 produtores integrados de 31 municípios no três estados.

De acordo com a pesquisadora em Tecnologia e Ciência Agrícolas e coordenadora da Comissão Estadual de Produção Integrada do Rio Grande do Sul do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Edna Maria de Oliveira Ferronatto, a Certificação é um diferencial importante para a segurança do consumidor e a entrada de produtos em novos mercados. Segundo ela, aproximadamente 500 produtores de tabaco estão certificados pelo Instituto Certifica, por adotarem a Norma Técnica Específica para produção. “A qualidade do tabaco brasileiro é reconhecida mundialmente e sem dúvida a escolha de um sistema de produção focado e adequado às condições locais de cultivos e à excelente gestão da cadeia produtiva do tabaco contribuiu para isto.  O Brasil foi o 1º país a fazer Certificação do Tabaco, proporcionando a transparência tão almejada pelos consumidores”, afirma.  

Saiba mais:

A Produção Integrada Agropecuária – PI Brasil é um programa oficial do Governo Brasileiro, desenvolvido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). O setor do tabaco aderiu ao programa por intermédio do Sindicato Interestadual da Indústria do Tabaco (SindiTabaco) e criou a Produção Integrada do Tabaco – PI Tabaco. Além do MAPA e do Inmetro, o programa conta com a coordenação do Comitê Técnico da Produção Integrada de Tabaco, da Universidade Federal de Pelotas (Ufpel), e de uma Certificadora que audita pelo Inmetro todas as etapas pelo qual o tabaco passa.

Sobre a Souza Cruz

Sediada no Rio de Janeiro, a Souza Cruz é líder de mercado, atua desde o plantio do tabaco até a distribuição de cigarros, há mais de 115 anos. Com o mote “A diferença faz a gente. E a gente faz a diferença”, a empresa busca, por meio de suas ações impactar positivamente não apenas a sua cadeia produtiva, mas a sociedade como um todo. Considerada uma força no varejo nacional e na exportação de tabaco, a companhia tem três grandes linhas que norteiam sua atuação: valorização das diferenças, sustentabilidade e legalidade.  

Sua cadeia produtiva mantém 6,5 mil colaboradores diretos, cerca de 200 mil empregos indiretos e 27 mil produtores rurais integrados de tabaco, que geram solução de renda para mais de 100 mil famílias no campo. Seus produtos chegam a 265 mil varejistas em quase 5.500 municípios, o que constitui a mais complexa e abrangente operação de distribuição da British American Tobacco (BAT), controladora da Souza Cruz, com empresas em 180 países no mundo.
Read more